10.11.11

Retrato

Por horizontes tristonhos de nuvens,
Destrato as imagens foscas
[de tuas palavras
Separando tudo em monossílabos intensos
[e hiatos dissimulados;
Limpo os distúrbios de azul
[dentro da tua ausência
E acrescento devastações amarelas -
Em gigantes espirais indo sem rumo.
Os girassóis florescem sozinhos nesse caos -
Não importando o clima destemperado.

Um comentário:

  1. Gosto muito de suas palavras Maxi, são de uma grande riqueza... Você descreve bem o caos da existência.

    ResponderExcluir